Notícias do setor

Santander lançará linha de financiamento para imóveis ainda na planta

O Estado de S. Paulo online, Circe Bonatelli, 06/dez

O Santander anunciou nesta quinta-feira, 6, a sua entrada no financiamento imobiliário a clientes de imóveis logo após a venda de unidades na planta, setor ainda pequeno, ocupado somente pela Caixa Econômica Federal e pelo Banco do Brasil. O primeiro projeto será realizado neste mês, em parceria com a MRV, e fica em Salvador, com apartamentos de R$ 200 mil a R$ 350 mil. A fonte de recursos para essa modalidade é a caderneta de poupança, com taxa na ordem de 8,9% ao ano.

"Seremos o primeiro banco privado a realizar o financiamento na planta. O produto está pronto, estruturado, e será lançado até fim do ano. É um piloto, que vai precisar de alguns ajustes finos", comentou o diretor de produtos de Crédito & Recuperação do banco, Cássio Schmitt, em conversa com analistas e investidores organizada pela MRV.

De acordo com o executivo, o Santander tem apetite para construir uma carteira da ordem de R$ 500 milhões a R$ 1 bilhão no primeiro ano. "A possibilidade de crescimento é enorme. É um mercado adicional", salientou.

Nessa modalidade, a aprovação do crédito para os compradores e a contratação de financiamento bancário ocorre logo após a venda, ainda durante a construção do empreendimento. E para a construtora, os recursos serão liberados durante a realização das obras, com base nos financiamentos concedidos aos clientes.

Esse modelo é típico do Minha Casa Minha Vida, com recursos do FGTS. Já no restante do mercado, o empréstimo bancário é liberado só após a entrega da obra pela construtora. O financiamento na planta é um pleito antigo do mercado imobiliário. Outros bancos privados também teriam interesse em iniciar projetos pilotos, segundo a MRV.


Envie para um amigo
Imprima este texto
 
 
 
 

webTexto é um sistema online da Calepino

Matéria impressa a partir do site da Ademi Rio [http://www.ademi.org.br]