Notícias do setor

Dryko prevê crescimento de 20% com retomada de obras

Valor Econômico, Carlos Prieto, 11/jan

A expectativa de volta dos investimentos em infraestrutura e retomada dos lançamentos pelas incorporadoras são o pano de fundo para a previsão de crescimento de 20% da Dryko neste ano. A fabricante brasileira de impermeabilizantes, que disputa mercado com multinacionais como a suíça Sika, o grupo americano RMP (Viapol) e a francesa Weber Saint-Gobain, não divulga faturamento. O presidente e fundador da companhia, Raphael Bigio, diz que é pequeno perto das grandes do setor, mas isso pode se transforma, antes de tudo, em vantagem competitiva. Com uma fábrica em Guarulhos (SP) trabalhando em um turno, Bigio diz que pode ampliar a produção com mais dois períodos de trabalho sem grandes investimentos. Engenheiro civil formado pela Poli, o empresário criou a companhia há 20 anos e garante que cresceu mesmo durante a crise por ter uma empresa ágil e eficiente. A Dryko é toda verticalizada e tem apenas 80 funcionários.

Leia mais em Valor Econômico.


Envie para um amigo
Imprima este texto
 
 
 
 

webTexto é um sistema online da Calepino

Matéria impressa a partir do site da Ademi Rio [http://www.ademi.org.br]