Notícias do setor

Capital Realty investe no mercado do Sul

Valor Econômico, Chiara Quintão, 23/jul

A Capital Realty está investindo, neste ano, R$ 60 milhões, motivada pela expansão da demanda por condomínios logísticos e industriais mais eficientes, principalmente por parte de empresas de comércio eletrônico, nos estados do Paraná e de Santa Catarina. Com foco na região Sul do país, a desenvolvedora de galpões pretende ampliar sua área dos atuais 400 mil metros quadrados para até 450 mil metros quadrados, até o fim de 2020, considerando-se somente expansões.

"Estamos otimistas. Em 2018, tivemos melhora da ocupação e, neste ano, os preços dos novos contratos estão mais elevados", diz o presidente da Capital Realty, Rodrigo Demerteco. De acordo com o executivo, a empresa começou a reduzir sua taxa de vacância no primeiro semestre do ano passado.

A Capital Realty entregou, ontem, para a Ambev, 31,4 mil metros quadrados de área expandida de condomínio logístico em Itajaí (SC). Esse galpão irá funcionar como centro de distribuição da companhia de bebidas. A expansão foi iniciada em outubro de 2018, e a Capital Realty fechou contrato de pré-locação com a Ambev em maio.

A desenvolvedora de galpões está concluindo o planejamento para expansão de seu principal condomínio logístico, em Curitiba. As obras serão iniciadas até setembro, e há expectativa de conclusão no primeiro semestre de 2020. A expansão será de cerca de 30 mil metros quadrados. "Existe demanda por parte de empresas de consumo, comércio eletrônico e do setor farmacêutico", afirma Demerteco.

A Capital Realty pretende comprar um terreno, neste ano, para desenvolver um condomínio logístico em um dos mercados em que já atua.

Envie para um amigo
Imprima este texto
 
 
 
 

webTexto é um sistema online da Calepino

Matéria impressa a partir do site da Ademi Rio [http://www.ademi.org.br]