Notícias do setor

Fundador da MRV defende que não é hora de Brasil passar por isolamento vertical

Valor Econômico online, Chiara Quintão, 25/mar

O empresário Rubens Menin, fundador da MRV, defende que ainda não está na hora de o Brasil passar por um isolamento vertical - situação em que somente maiores de 60 anos e pessoas de outros grupos de risco são afastadas do convívio com as demais. 

Na avaliação de Menin, é preciso manter o isolamento social até que seja possível entender a curva de contaminação do coronavírus, no país, e a necessidade de leitos.

"Quando entendermos essa curva, será a hora de começar a pensar na reativação da economia. 

Teremos de fazer isso um dia", afirma o empresário, ressaltando que não está claro qual será o momento para a mudança de postura. 

Segundo Menin, a seletividade a ser adotada, mais para frente, deve se referir às indústrias e não às pessoas. 

"Empresas do grupo A, de utilidade pública, como padarias, não podem parar. As indústrias do grupo B, importantes para a recuperação da economia, como siderúrgicas e a construção civil, deverão ser retomadas quando for a hora de reativação. Outras empresas, as do grupo C, como turismo e cinema, terão de esperar mais", disse o empresário.

Questionado se os canteiros de obras devem continuar, neste momento, o fundador da MRV afirmou que sim, em se tratando daqueles com "condições sanitárias ideais". "Os que não tiverem essas condições não devem continuar", diz Menin.

Envie para um amigo
Imprima este texto
 
 
 
 

webTexto é um sistema online da Calepino

Matéria impressa a partir do site da Ademi Rio [http://www.ademi.org.br]