ADEMI na Imprensa

Mercado imobiliário: olhe para o horizonte e não para as ondas

[

(Redação Sinduscon-Rio, 03/abr)

"O Mercado imobiliário não vai acabar e os imóveis continuarão sendo um ativo importante. Vamos olhar para o horizonte, continuar trabalhando, para que, após essa pandemia, a retomada do setor seja real". A afirmação foi feita por Claudio Hermolin, CEO da Brasil Brokers, presidente da ADEMI-RJ e vice-presidente do Sinduscon-Rio, durante webinar realizado, na manhã de hoje (02), sobre o cenário e perspectivas do mercado imobiliário em tempos de coronavírus.

Traçando o panorama do setor, Hermolin iniciou informando que 2/3 das obras continuam em atividade no Brasil, todas dentro dos padrões de saúde e segurança determinados pelas autoridades, e que a decisão de paralisação do canteiro está sendo individualizada, de acordo com cada empresa. "É importante que, antes de tomar qualquer decisão, as empresas consultem as entidades de classe do seu estado para entender como está a situação em sua região", disse. 

Falando sobre as vendas no mercado imobiliário atualmente, o executivo falou sobre a apuração semanal que está sendo realizada pela ADEMI-RJ, em parceria com o Secovi-SP e a Brasil Brokers, para gerar o termômetro do andamento de locações e vendas, nos estados do Rio e de São Paulo. Sobre os dados mais recentes, apurados na última semana, ele apresentou:

Locação residencial: 

Oferta de imóveis para locação: 32% 
Procura de imóveis para locação: 40% 
Concretização de novas locações: 44%

Locação comercial:

Procura por imóveis para locação: 55%
Concretização de negócio: 60%

Compra e venda 

Mercado secundário - Imóveis usados: 

Oferta de imóveis para venda: 63%
Procura para aquisição de imóvel: 60%
Concretização de novas vendas: 68%
Mercado primário - Imóveis novos

Oferta de imóveis: 70%
Visitas a imóveis: 80%
Concretização de novas vendas: 75%
Vendas: 85%

Apesar dos números, Hermolin está confiante de que essa pandemia romperá paradigmas e trará transformações positivas para o mercado. De acordo com ele, diante da nuvem de incertezas que o Brasil vive, há a retração normal de público, então, a hora agora é de as empresas buscarem as pessoas que já estavam em jornada de compra de um imóvel e atuar como verdadeiros consultores, orientando os clientes para que tomem a melhor decisão. "Temos que dar subsídios para que eles sigam a jornada com informações que os levem à decisão de compra ou não de um imóvel", afirmou. 

Neste sentido, a tecnologia é uma grande aliada para este relacionamento. "O país não está de férias, não podemos parar. Hoje, com os recursos tecnológicos que temos à disposição, é perfeitamente possível que esse trabalho aconteça de forma remota e com o oferecimento de recursos aos clientes, seja promovendo visitas agendadas ou criando tutoriais para ajudar um proprietário a fazer tour virtual de seu apartamento", exemplificou Hermolin.  

Ele também falou sobre o papel do líder neste momento de mudanças, ressaltando que os gestores precisam ser fontes de inspiração, motivação e de informação. "Mantenham as reuniões no mesmo ritmo, no formato virtual, e não deixem suas equipes sozinhas. É preciso engajar e acompanhar, dia a dia, o andamento das atividades", destacou. 

Finalizando, alertou que, diante da falta de previsibilidade de receita das empresas, é importante que as despesas sejam avaliadas, assim como a estrutura do negócio e a possibilidade de renegociação de contratos, com a análise do cenário de cada setor. "Fazendo uma metáfora, estamos navegando em um mar revolto, mas se você olhar para o horizonte, em vez de olhar para as ondas, passará essa travessia sem passar mal. Tudo vai voltar à normalidade, então, cuide da cadeia produtiva para que possamos alcançar a retomada do setor", concluiu Hermolin.

O debate também contou com a participação do presidente do Sinduscon-Rio, João Fernandes, com mediação da gerente de relações institucionais do Seconci-Rio, Ana Cláudia Gomes. Para conferir a íntegra do webinar, acesse este link e se inscreva no canal do Sinduscon-Rio, no YouTube, para receber notificações dos próximos webinares. O Sinduscon-Rio e o Seconci-Rio continuarão a promover, às quintas-feiras, eventos online para apresentação de desafios e soluções para empregadores e empregados, neste período de pandemia. 


Envie para um amigo
Imprima este texto
 
 
 
 

webTexto é um sistema online da Calepino

Matéria impressa a partir do site da Ademi Rio [http://www.ademi.org.br]